sábado, 22 de outubro de 2016

Barça bate Valencia e jogadores levam garrafada em comemoração

(Notícias Ao Minuto)     REUTERS/Heino Kalis
Valencia e Barcelona fizeram um grande jogo neste sábado, no Estádio Mestalla, cheio de rivalidade, polêmicas de arbitragem, belas jogadas e gols. O time da casa foi valente e ignorou a ampla superioridade técnica dos catalães, mas um pênalti já nos acréscimos, convertido por Messi, definiu o triunfo por 3 a 2 do time de Luis Enrique em uma das melhores partidas deste início de Campeonato Espanhol.  O resultado levou o Barcelona novamente à liderança da tabela, ao menos de forma provisória, com 19 pontos, um à frente de Atlético de Madrid e Real Madrid, que ainda atuam na rodada. O Valencia, por sua vez, parou nos nove pontos, apenas na 15.ª colocação.

Se o Barcelona briga pelo título e o Valencia para não ser rebaixado, esta diferença ficou do lado de fora do campo. Neste sábado, os times se alternaram no comando da partida e o Valencia chegou a ter a chance de garantir o resultado na reta final, mas Nani perdeu chance incrível. A nota triste ficou por conta da lesão no joelho de Iniesta, que deixou o gramado chorando.
O Barcelona volta a campo no próximo sábado, quando enfrenta o Granada, em casa, pelo Campeonato Espanhol. Já o Valencia tentará a recuperação na segunda-feira da semana seguinte, dia 31, contra o Deportivo em La Coruña.
Apesar do grande jogo, o primeiro lance importante não foi nada feliz. Logo aos 11 minutos, Iniesta dividiu com o marcador, ficou com a perna presa e caiu sentindo muitas dores no joelho. Chorando, precisou ser retirado de maca e substituído por Rakitic.
Foi justamente Rakitic, aliás, que iniciou a jogada do primeiro gol. Aos 22, ele insistiu pela direita e conseguiu bom passe para Messi, que dominou na área e bateu firme de esquerda. Luis Suárez, impedido, pulou. A bola passou por baixo dele e matou o goleiro Diego Alves. O árbitro não considerou que o uruguaio participou da jogada e validou o gol.
O Barcelona voltou a assustar com o mesmo Messi aos 30, exigindo boa defesa de Diego Alves. E o Valencia, que já havia reclamado muito do gol, se revoltou ainda mais aos 32, quando Rodrigo foi empurrado por Umtiti e caiu pedindo pênalti. Aos 43, Ter Stegen impediu o gol de Parejo, e três minutos depois, Neymar quase fez uma pintura, ao tentar bicicleta que passou muito perto.
As emoções no fim do primeiro tempo davam conta do que aconteceria na etapa final. Logo aos quatro minutos, Diego Alves espalmou chute de fora de Neymar, e Rakitic perdeu sem goleiro, acertando a trave. O desperdício seria fatal, porque três minutos depois Munir deixou tudo igual, com bela finalização da meia-lua.
O gol empolgou o Valencia, que viraria o placar com dez minutos. Nani teve liberdade pela esquerda e deu lindo toque de cavadinha para Rodrigo, que girou batendo para a rede. Mas o jogo era lá e cá, e o Barcelona também não demoraria a marcar. Aos 16, Rakitic subiu sozinho de cabeça, Diego Alves fez grande defesa, mas Suárez emendou de primeira, de canhota, para o gol.
Em um jogo brigado, disputado, qualquer chance perdida poderia ser fatal. Aconteceu no primeiro tempo com o Barcelona, e no segundo com o Valencia. Aos 36, Nani teve a vitória nos pés ao ganhar de Sergi Roberto e ficar sozinho de frente para Ter Stegen, mas finalizar para fora.
Faria falta, porque nos acréscimos, o Barcelona foi fatal. Messi tabelou com Neymar e tocou para Suárez, que foi calçado por Abdennour. Messi tinha pela frente o maior pegador de pênaltis da história do Campeonato Espanhol, Diego Alves, que provocou o argentino. Mas o craque bateu firme, no canto direito do brasileiro, que até saltou do lado certo, mas não alcançou. Na comemoração, Neymar foi atingido por uma garrafa jogada por torcedores do Valencia.
ESPANYOL EMPATA - Ainda neste sábado pelo Campeonato Espanhol, o Espanyol buscou um improvável empate diante do Eibar. Atuando em casa, a equipe viu o adversário abrir 3 a 0 ainda no primeiro tempo, resultado que se manteve até os 20 minutos da etapa final. Ainda assim, os catalães pressionaram e conseguiram o 3 a 3, com gol do brasileiro Léo Baptistão nos acréscimos.   (Link da postagem:https://www.noticiasaominuto.com.br/esporte/295683/barca-bate-valencia-e-jogadores-levam-garrafada-em-comemoracao

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial